Como comprar madeira - Portela Woods

Como comprar madeira

Escolher a madeira para cada finalidade na sua obra não é fácil, por isso, reunímos aqui algumas informações úteis sobre os tipos existentes no mercado. Vale destacar que é sempre recomendada a compra de madeiras secas em estufa, pois possuem uma longa duração.

Existe uma variedade de madeiras diferentes disponíveis no mercado. Cada uma delas com várias finalidades e classificações específicas. Basicamente, elas podem ser classificada de três modos: 

.::. De baixa densidade: alcançam até 400 kg/m³; 

.::. De média densidade: alcançam de 400 a 800 kg/m³; 

.::. De alta densidade: alcançam de 800 a1300 kg/m³.

Madeira de baixa densidade

As madeiras de baixa densidade possuem uma cor clara, leve e textura média de rápido crescimento. Devem passar pelo processo de envenenamento e secamento de sua madeira para não acumular fungos. 

Por sua leveza e necessidade de ficar em ambientes internos, sua finalidade é para a fabricação de móveis.

Exemplos: Marupá, Azimbre e Assacú.

Madeira de média densidade 

As madeiras de média densidade tem como coloração um marrom claro, assim como possuem uma textura áspera, sem brilho e sem odor característico. É também utilizada para fabricação de móveis para áreas interiores. 

Em alguns casos, por ser mais resistente do que a madeira de baixa densidade, é fabricada para aplicação na área externa na construção civil, assim como para fabricação de portas, janelas e telhados. Têm um bom acabamento e possui lona duração.

Exemplos: Louro, Angelim, Cupiúba.

Madeira de alta densidade

Já as madeiras de alta densidade possuem coloração puxada para o marrom escuro, assim como uma textura média, sendo de alta durabilidade. São utilizadas em áreas externas para a construção civil, não passando pelo processo de envenenamento por possuir uma grande resistência.

Não é adequada para a fabricação de móveis, por possuir um grande peso.

Exemplos: Ipê, Jatobá e Cumaru. 

Postagem anterior Como usar FGTS para comprar casa ?
Próximo Post Como manter seus pisos laminados

Deixe uma resposta